O Amor é Estranho

O título de “O Amor é Estranho” (Love is Strange – 2014) soa equivocado por se tratar de um filme onde as regras da sociedade prendem as pessoas em situações, essas sim estranhas à elas, enquanto o amor se manifesta com clareza como a única coisa que pode ser tida como certa.

O longa conta a história de Ben (John Lithgow) e George (Alfred Molina), que após viverem juntos por quase 40 anos decidem se casar para oficializar sua união e celebrar o amor que existe entre eles com os amigos que vivem à sua volta.

Mesmo que todos soubessem que os dois formavam um casal, após o “casamento” um deles perde o emprego. A justificativa foi de que o par tomou uma ação pública contra os valores defendidos pela instituição. Dessa forma, o filme toca em questões importantes, como a homofobia e a hipocrisia burguesa que dita que o que acontece dentro de uma casa se torna “invisível” aos olhos da sociedade. Esses problemas, no entanto, são apenas mencionados superficialmente, pois o assunto que o longa tem como objetivo é muito mais pessoal.

Ao enfrentar essa nova fase de instabilidade financeira, o par precisa buscar refúgio no seio dos amigos que durante os bons anos sempre se mostraram muito presentes e afetuosos. Tarefa essa que parecia ser fácil, afinal as ofertas de abrigo não tardaram a aparecer, mas a convivência mostrará o quanto que as pessoas na prática são fechadas para acolherem e compreenderem as necessidades do outro.

O filme, de modo muito agradável, discorre com delicadeza sobre o cotidiano, o afeto e a natureza humana. Enquanto Ben se hospeda na casa de seus sobrinhos que, apesar de o amarem muito, não conseguem conviver com ele, George fica na casa de alguns amigos que, apesar de o amarem muito, não são capazes de ter compaixão com a rotina do amigo que está acomodado no sofá da sala. É, talvez o amor seja de fato estranho.

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , , , , , , , ,

O que você pensa sobre isso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: